A impressão dos alunos sobre a certificação Data Privacy Brasil — Por que realizar a certificação?

Esse é o terceiro post sobre a Certificação Data Privacy Brasil, também já falamos sobre a criação do exame e as especificidades que diferenciam a Certificação DPBR de outras certificações existentes no mercado, não deixe de conferir.

Em 2020 tivemos duas edições do exame de certificação. Assim, várias pessoas já possuem a certificação Data Privacy Brasil, por isso, resolvemos compartilhar com vocês alguns depoimentos que recebemos dos candidatos aprovados:

“Meu intuito de obter uma certificação era, acima de tudo, testar meus conhecimentos sobre privacidade e proteção de dados pessoais. A escolha pela certificação do Data Privacy Brasil se deu pelo respeito e admiração por esta instituição, onde fiz meu primeiro curso de extensão e quando me apaixonei pelo tema. Ter aula com Bruno Bioni e Renato Leite foi sensacional! Já sabia que o conteúdo da prova era robusto, que abrangia não só a LGPD e GDPR, mas leis e regulamentos setoriais que convergiam com o tema de proteção de dados pessoais. A prova contém estudos de caso, onde temos a oportunidade de identificar o enquadramento da legislação. É preciso estudar bastante, acompanhar entendimentos, discussões, notícias sobre proteção de dados pessoais. O certificado é um resultado super importante e o processo para o preparo e obtenção deste é riquíssimo!” (Januária Lopes — Gerente de Compliance, Riscos e Auditoria/ Privacidade Unimed-Rio)

“Atuando profissionalmente como advogado, não são tão comuns certificações. Porém, no aspecto da Privacidade e Proteção de Dados as certificações são um diferencial do profissional que deseja atuar na área. Se submeter a uma certificação é um desafio e o profissional demonstra conhecimento e maturidade ao ser aprovado. A DPBR é reconhecida pela qualidade e densidade de seus cursos e treinamentos. A certificação, de outro lado, é uma mostra de conhecimento e maturidade do profissional. A união desses fatores eleva o nível do “sarrafo” e as empresas confiam neste diferencial para entregar seus projetos.A prova de certificação é de alto nível e exige ótimos conhecimentos do candidato. Seu conteúdo é coerente com o aspecto regulatório, teórico e prático em matéria de Privacidade e Proteção de Dados. Ademais, sem descuidar do campo transnacional, a prova possui vocação às características regulatórias nacionais, que é o que o mercado precisa e exige A preparação é multidisciplinar e exige conhecimentos do “microcosmo” regulatório em torno do tema de Privacidade e Proteção de Dados, tanto do aspecto nacional, como internacional. Uma das formas de preparação para esta e outras certificações, além dos esforços próprios, é sem dúvida o Curso Extensivo em Privacidade e Proteção de Dados do DPBR.” (Daniel Sanflorian Salvador — Advogado, Direito Empresarial, Privacidade e Proteção de Dados, Orientador de Prática Jurídica na Pupin, Malosso, Antunes e Salvador Sociedade de Advogados)

Não vamos nos estender no depoimento, para te explicar o que já é sabido por toda a rede de alumni e certificados pelo Data Privacy Brasil, a Certificação DPBR te coloca em outra posição aos olhos de um mercado super aquecido atualmente. Seja pela sua qualidade, pelo conteúdo cobrado ou por quem constrói a prova. Apesar de a certificação não ser obrigatória para trabalhar na área ela tem sido vista como diferencial no mercado, como mostramos nesse post no Instagram do Data Privacy Brasil.

É importante ressaltar que, a partir desse feedback, construímos uma apostila com todos os temas que caem na prova, assim você conseguirá organizar o seu estudo para não ficar preocupado no dia do Exame. Além disso, faremos duas sessões de revisão e resolução de questões no estilo da prova, tudo pensando no bem estar dos candidatos, pois nosso compromisso também é com a qualidade do seu estudo e da sua saúde mental!

Estamos empenhados em trazer a nossa experiência prática, adquirida na construção da Lei Geral de Proteção de Dados, na atuação em litígios envolvendo proteção de dados e em inúmeros projetos de adequação coordenados pelos professores Bruno Bioni e Renato Leite. Todo esse conhecimento é transportado para as questões da prova, que, por isso, são capazes de avaliar não só o conhecimento sobre as leis que podem ser aplicadas aos diversos casos de proteção de dados mas a capacidade decisória, demandada no exercício de consultoria de proteção de dados e no próprio cargo de encarregado em proteção de dados!

Não esqueça!

A primeira prova de 2021 ocorrerá no dia 18/04, as inscrições ficam abertas até o dia 09/04. Além dessa primeira edição, já há previsão de uma segunda prova, que ocorrerá no dia 25/07, as inscrições ficarão abertas até o dia 16/07.

E aí? Você já conhecia a nossa prova? Entendeu um pouco melhor o processo de concepção e aplicação do exame de certificação Data Privacy Brasil? Bora certificar e ser um profissional reconhecido em Privacidade e Proteção de Dados?

As inscrições para a prova de julho seguem abertas, além disso, você pode adquirir a certificação em conjunto com o curso Privacidade e Proteção de Dados: Teoria e Prática, essa aliás é uma excelente forma de se preparar para a prova! Entre em contato conosco se quiser se inscrever ou se sobrou alguma dúvida sobre esse tema, estamos à disposição!